ECONOMIA

TELEFONIA » País tem redução de linhas

Publicação: 07/12/2017 03:00

O número de linhas móveis recuou 2,67% no Brasil nos últimos 12 meses. De acordo com a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), houve redução de 6.602.968 linhas na comparação entre outubro deste ano e de 2016. Em relação a setembro, houve redução de 0,09%, o que representa 212.274 linhas a menos.

A telefonia fixa também registrou queda. Foram 40.998.519 linhas em operação em outubro, sendo 17.165.290 para as autorizadas e 23.833.229 para as concessionárias. Esse total foi consequência de um aumento de 12.514 linhas das autorizadas e redução de 120.016 das concessionárias, causando, no final, queda de 107.502 sobre o setembro.

Entre as autorizadas, a TIM teve maior crescimento em 12 meses, com entrada de 199.651 novas linhas (+38,57%), seguida da Algar Telecom, com mais 70.283 novas linhas ( 28,55%) e da Oi com 15.279 novos acessos ( 9,68%). As concessionárias que apresentaram crescimento no período foram Algar Telecom, com 21.035 novas linhas (2,87%), e a Claro, com a adição 177 novos números ( 10,79%). As demais registraram redução. (Da redação com agências)