SUPERESPORTES

Rei dos pênaltis Com pouco mais de uma década no Sport, Magrão defendeu 28 cobranças sendo 13 delas em disputas que deram a classificação ao clube leonino

João de Andrade Neto
joaoneto@diariodepernambuco.com.br

Publicação: 21/04/2017 03:00

Há 12 anos, um pouco conhecido Alessandro Beti Rosa desembarcava no Aeroporto dos Guararapes para assinar contrato de apenas uma temporada com o Sport e receber salário de R$ 8 mil. Ontem, mais de uma década depois, o já consagrado Magrão cruzava novamente o portão de desembarque, mas em um contexto completamente diferente. Cada vez mais ídolo, o goleiro, hoje com 40 anos, foi cercado por um batalhão de repórteres para responder o que já virou rotina: o fato de ser herói de uma classificação rubro-negra.

A última foi diante do Joinville, ao defender duas cobranças nas disputas de pênaltis, e levar o clube às oitavas da  Copa do Brasil. “São 12 anos, mas me lembro como se fosse ontem a minha chegada aqui. Nesse mesmo aeroporto, mas sem tantos repórteres e torcedores”, recordou.

Experiente, Magrão sabe que não há tempo para festejar. Até porque no domingo terá mais uma decisão pela frente. Dessa vez, o jogo de volta da semifinal do PE2017, contra o Náutico, na Arena. O Leão joga por um empate para avançar à final. Em caso de derrota por um gol de diferença, a vaga será decidida nos pênaltis. Uma especialidade cada vez maior dele.

Por exemplo, das 13 últimas cobranças defendidas por ele, dez ocorreram em disputas de pênaltis diferentes. Foram sete ao todo nesse período, no qual o Sport só foi eliminado uma vez. Para o Campinense, na semifinal do NE2016. Sequência que teve início justamente contra o Náutico, pela Sul-Americana de 2013.

Paredão

Todos os pênaltis defendidos por Magrão no Sport


28/10/2007
Série A
Sport 1 x 2 São Paulo (Rogério Ceni)

25/05/2008
Série A
Sport 2 x 1 Fluminense (Dodô)

20/07/2008
Série A
Santos 1 x 0 Sport (Kléber Pereira)

10/08/2008
Série A
Coritiba 3 x 0 Sport (Keirrison)

29/04/2009
Libertadores
LDU 2 x 3 Sport (Danny Vera)

12/05/2009
Libertadores (disputa de pênaltis)
Sport 1 (1) x 0 (3) Palmeiras (Mozart)

04/10/2009
Série A
Grêmio 3 x 3 Sport (Tcheco)

05/06/2010
Série B
América-RN 0 x 5 Sport (Saulo)

17/08/2010
Série B
Sport 4 x 1 São Caetano (Eduardo)

27/03/2011
Estadual
Central 2 x 3 Sport (Danilo Pitbull)

26/02/2012
Estadual
Central 1 x 1 Sport (Waldson)

04/04/2012
Copa do Brasil
Paysandu 2 x 1 Sport (Yago Pikachu)

08/04/2012
Estadual
Porto 1 x 3 Sport (Joélson)

06/04/2013
Estadual
Sport 5 x 1 Belo Jardim (Muller)

05/05/2013
Estadual
Santa Cruz 1 x 0 Sport (Dênis Marques)

28/08/2013
Copa Sul-Americana (disputa de pênaltis)
Náutico 2 x 0 Sport (Olivera, Tiago Real e Rogério)

13/04/2014
Estadual (disputa de pênaltis)
Sport 1 x 0 Santa Cruz (Carlos Alberto)

16/11/2014
Série A
Atlético-PR 0 x 1 Sport (Cléo)

25/03/2015
Copa do Nordeste
Fortaleza 1 x 0 Sport (Lúcio Maranhão)

29/03/2015
Copa do Nordeste (disputa de pênaltis)
Sport 1 (4) x (2) 0 Fortaleza (Corrêa)

13/05/2015
Copa do Brasil (disputa de pênaltis)
Sport 2 (4) x (2) 0 Chapecoense (Bruno Rangel)

17/04/2016
Copa do Nordeste (disputa de pênaltis)
Campinense 1 (3) x (1) 0 Sport (Tiago Sala)

16/10/2016
Série A
Sport 1 x 0 Vitória (Zé Love)

02/04/2017
Copa do Nordeste (disputa de pênaltis)
Sport 3 (4) x (2) 1 Campinense (Tiago Orobó)

19/04/2017
Copa do Brasil (disputa de pênaltis)
Joinville 2 (2) x (3) 1 Sport (Darlei e Fernandinho)