SUPERESPORTES

Em conta-gotas, Sport vai fechando o elenco Depois do lateral-esquerdo Capa, diretoria do Sport deve oficializar o meia Gabriel, do Flamengo

Publicação: 11/01/2018 03:00

Pelo menos mais duas caras novas vão integrar o elenco do Sport ainda nesta semana. Contratado por empréstimo do Avaí até o fim da temporada, o lateral-esquerdo Capa deve trabalhar já hoje no Centro de Treinamento do clube, em Paratibe. Amanhã, o meia Gabriel deixará o Flamengo e será também mais um reforço a desembarcar no Recife para assinar contrato com o Leão. A menos de uma semana para a estreia no Campeonato Pernambucano, o Rubro-negro começará a ter um elenco mais cheio após iniciar a temporada 2018 com poucas novidades no grupo de jogadores.

Até então, o Sport trouxe só o meia-atacante Marlone, o meia Pedro Castro, o lateral-direito Felipe Rodrigues e o zagueiro Léo Ortiz. Os dois últimos, embora já treinem no clube, ainda não foram ainda oficializados. Capa e Gabriel também não. O primeiro, porém, foi confirmado ontem no Rubro-negro pelo Avaí, que possui os direitos econômicos dele até 2020. O jogador fica no Sport até o fim do ano com opção de compra ao final.

Também contratado por empréstimo, Gabriel ficará à disposição do técnico Nelsinho Batista amanhã, segundo apurou o Superesportes. Com 28 anos, o meia está desde 2013 no Flamengo, mas não seria aproveitado nesta temporada sob o comando de Paulo César Carpegiani. Ele, aliás, terminou o ano passado sem espaço com o treinador Reinaldo Rueda e sob críticas de parte da torcida.

Gabriel, no entanto, já teve seus bons momentos na Gávea. Após ter sido contratado do Bahia, onde se destacou mais entre 2011 e 2012, fez 214 partidas pelo time carioca e balançou as redes 23 vezes. Pelo rubro-negro carioca, conquistou dois campeonatos estaduais (2014 e 2017) e uma Copa do Brasil (2013). Gabriel também é versátil, atua como meia-direita, ponta e até mesmo como lateral.

VOLANTE
Em paralelo a vinda desses dois, a diretoria do Sport trabalha também em outras frentes. Devido à iminência da saída do volante Rithely para o Internacional ou Cruzeiro, um outro jogador para a posição é prioridade. Um deles é Juninho, do Bahia, cujas negociações estão avançadas. O clube busca também um meia com características de armador para suprir a lacuna aberta depois a saída de Diego Souza, vendido para o São Paulo.
 
Conselho
O orçamento do Sport para a temporada 2018 foi, enfim, aprovado pelo Conselho Deliberativo do clube. Após uma primeira recusa, o presidente Arnaldo Barros esteve na reunião do grupo e teve a sua proposta consentida pela maioria, com apenas três votos contrários. A venda de Diego Souza, com um ganho estimado de R$ 10 milhões, além da possível saída do volante Rithely, amenizou o déficit de R$ 15 milhões do primeiro projeto orçamentário sugerido pelo Executivo.