COPA 2018 » Uma espionagem nem um pouco amiga de Tite Convidado de um jogador da Seleção filma treino, divulga imagens e revela formação do time

Publicação: 14/06/2018 03:00

A decisão da comissão técnica da Seleção Brasileira de apostar na privacidade dos treinos fechados na preparação para a Copa do Mundo enfrentou um contratempo logo no primeiro trabalho desse tipo em Sochi, na Rússia. Ontem, um dos convidados presentes ao treino da tarde (no horário local) da equipe publicou vídeos nas redes sociais da atividade, revelando inclusive a formação titular que Tite prepara para a estreia contra a Suíça, domingo, em Rostov.

Em ação que será praxe durante quase toda a fase final da preparação do Brasil para a Copa, em Sochi, a comissão de Tite optou por liberar apenas os 20 minutos finais do treinamento. Mas vídeos nas redes sociais publicados por um dos convidados mostram a repetição da escalação do quarteto ofensivo que se destacou no triunfo por 3 a 0 sobre a Áustria no último domingo, no amistoso final da equipe antes do Mundial.

Tite evitou confirmar em entrevistas recentes, mas testou a equipe com: Alisson; Danilo, Thiago Alves, Miranda e Marcelo; Casemiro, Paulinho e Philippe Coutinho; Willian, Gabriel Jesus e Neymar. E esse também deverá ser o time escalado diante da Suíça Além disso, nos vídeos é possível ver cruzamentos de Marcelo e uma jogada construída que termina com passe de Willian para a conclusão de Gabriel Jesus.

A possibilidade de a privacidade do treino ser frustrada parecia real antes mesmo do início da atividade, quando foi possível ver pessoas circulando pelas sacadas dos apartamentos localizados ao lado do campo.

Dúvida
O volante Fred, que lesionou o tornozelo direito na quinta-feira passada, ficou fora de mais um treino com o restante dos companheiros e fez uma atividade em outro campo, acompanhado pelo fisioterapeuta Ricardo Sasaki. No campo onde o grupo trabalhava, havia um espaço reservado para amigos e familiares dos jogadores da Seleção acompanharem a atividade. Além disso, de um hotel nas proximidades do campo, algumas pessoas chegaram a acompanhar o começo do treinamento.
 
Chance de “reverter” o que fez em 2014
 
O volante Paulinho afirmou que a Copa do Mundo da Rússia é uma chance para o Brasil “reverter o que fez” há quatro anos, em coletiva de imprensa em Sochi, ontem. O volante do Barcelona, que na fatídica semifinal de 2014 diante dos alemães, no Mineirão, entrou em campo no segundo tempo, afirmou que, sob o comando de Tite, a Seleção Brasileira “deixou o passado de lado” graças aos bons resultados e às atuações convincentes.

Na Copa da Rússia, o Brasil, apontado por Paulinho como favorito ao título ao lado de Alemanha, França, Bélgica, Espanha e Argentina, terá a chance de escrever um novo capítulo. “O futebol é bom porque dá oportunidades muito rápido para você reverter o que fez”, lembrou.

Embora Tite venha dando seguidas pistas da formação que entrará em campo para a estreia contra a Suíça, no domingo, separando os habituais titulares - Danilo, Thiago Silva, Miranda e Marcelo; Casemiro, Paulinho e Coutinho; Willian, Neymar e Gabriel Jesus- do restante do grupo nos últimos treinos, Paulinho afirma não saber das intenções do treinador.

“O professor não decidiu ainda não, mas não depende de nomes. O Fernandinho entrou e jogou muito bem. O Coutinho para mim é um craque. O que o professor decidir, a única certeza que tenho é que os 11 vão jogar da melhor maneira possível. Mas ele ainda não decidiu”, afirmou o volante, citando os dois jogadores que brigam pela única vaga em aberto na equipe.