Aconchego e bons drinQUES Com o home bar, você não vai precisar se preocupar em como receber os amigos em casa, pois tudo já estará no seu lugar

Gabriela Bento
Especial para o Diario
gabriela.bento@diariodepernambuco.com.br

Publicação: 10/03/2018 09:00

Receber amigos ou familiares em casa é um momento feliz. Para comemorar, é importante organizar comidas, bebidas e decoração. Se gosta de dispor de boas bebida em casa como uísques, vodcas ou vinhos, pode ser interessante ter um cantinho na sua casa dedicado a isto. Os apreciadores podem optar por freezers e adegas fixas ou menores, o que importa é trabalhar com o espaço disponível. Um corredor, por exemplo. Nestes locais, ainda é possível testar novas receitas de drinques.

A advogada Paulinne Siqueira providenciou um home bar para o seu lar com a intenção de decorar e dar um função um local esquecido. “A ideia inicial foi pela decoração mesmo, acho lindo ter um cantinho reservado com suas bebidas preferidas. Ele deu charme e função a um local que antes não me servia para nada”, explica. Mas, além de ter conquistado um lugar bem decorado para receber os amigos, ela se encontrou ali. “No dia a dia, acabou virando um atrativo para eu relaxar na minha própria casa e, depois, com os amigos. Com o lugarzinho, eu tenho sempre um cantinho pronto para receber visitas sem me preocupar em organizar apenas em datas especiais. Está sempre ali, pronto para ser usado”, conta.  

Para a arquiteta Roberta Reis, do Estudio NOI, a crescente procura por adegas residenciais está relacionada ao lazer da família e amigos. “Hoje está cada vez mais comum receber amigos e famílias em casa. Por isso, ter um lugar para preparar drinques e dispor suas garrafas e utensílios é uma ótima opção para deixar o ambiente mais íntimo e alegre”, comenta.

A melhor parte do home bar é que, por possuir uma diversidade de modelos, ele se encaixa em todos os tipos de espaço, adaptando-se às necessidades de cada um. Para escolher o tipo ideal é importante ter em mente que o uso de um bom material faz parte da funcionalidade e afeta diretamente a durabilidade do produto. Para a gerente da Bontempo, loja que personalizada e desenvolve móveis planejados de alto padrão, Dani Cunha, deve-se ter cuidado ao escolher cada item do seu cantinho. “É preciso investir em um revestimento que seja resistente, pois o bar está em constante contato com líquidos, que podem manchar ou até danificar a estrutura”, afirma.

Também é preciso pensar no local onde o bar estará situado na casa, lembrando que o tamanho deve ser proporcional ao espaço disponível. “Ele também pode servir como um divisor de ambientes ou mesmo para otimizar lugares ociosos”, sugere Dani. Se o espaço é amplo, a criação de um espaço contendo prateleira, cristaleira, pia e bancada pode dar uma ar descolado à casa. Outro item que não é obrigatório, mas que pode tornar o espaço ainda mais funcional, é um refrigerador para armazenar as bebidas.

Segundo a arquiteta Roberta Reis, o local escolhido deve ser de fácil acesso, como uma área social da casa, ou seja, em uma sala de jantar/estar ou em varandas. “Podemos optar por adegas, cervejeiras e frigobar. E por que não todos juntos? Essa é uma área em que podemos soltar a imaginação e deixar sempre com a cara do cliente”, conta. Para quem prefere praticidade, existem ainda opções menores e móveis no mercado que se parecem um frigobar. Dentre os modelos, é possível encontrar vários estilos para compor com a decoração, seja ela moderna ou mais clássica.