Escolha certa para o bolso As vantagens de investir em um carro 0km podem ser maior do que comprar um seminovo

Débora Eloy
debora.eloy@diariodepernambuco.com.br

Publicação: 09/06/2018 09:00

A compra de um carro é o sonho de muitos, mas quando pesam na balança o preço e a qualidade do veículo, é preciso, primeiro, ficar atento ao comprometimento na renda. O automóvel ideal daqueles que sonham com o veículo próprio é que ele seja completo, novo e que o preço caiba no bolso. Para isso, é preciso pesquisar.

Nas concessionárias, que vendem tanto novos quanto usados, a procura ainda é maior para um segmento só. “Os 0km são os mais pesquisados, em comparação aos seminovos, aqui na loja”, aponta o gerente de vendas da América Ford, Flávio Duarte.

Os gastos com um veículo seminovo podem superar o valor da diferença, caso o comprador opte por um 0km. “Existe a depreciação quando o veículo sai da concessionária, mas é um valor utópico, uma vez que a loja responsável pela revenda precisa agregar em cima do valor para a venda ser rentável”, esclarece o gerente.

Antes de tomar qualquer decisão em relação ao modelo, não precisa nem ser especialista para saber, é preciso estudar as finanças para saber se esse é o momento certo para investir. Além de, claro, pesquisar nas concessionárias os modelos mais em conta. Uma dica para comprar um carro 0 km é procurar por aquele modelo que esteja saindo do mercado. A baixa no preço por esses carros acontece porque fica cada vez mais difícil vendê-los, já que as peças de reposição ficam cada vez mais raras de se encontrar.

Comprar um automóvel novo tem o ponto positivo de saber que o carro não foi utilizado anteriormente. “A principal vantagem entre um seminovo e um 0km é saber a procedência do veículo”, revela Flávio. Dessa forma, qualquer problema que apareça, existe a garantia de fábrica, que também é outro atrativo dos veículos novos.

Umas das principais vantagens de comprar o carro 0km é o pós-venda, já que as fabricantes dispõem de garantias que variam entre um e seis anos. Mas é importante destacar que, para ter direito a esse privilégio, o veículo precisa fazer os reparos exclusivamente na concessionária.

Testar o veículo pelo qual se interessou também é primordial para ajudar na decisão. Essa avaliação é comum quando se procura um veículo usado, mas, para os novos isso também é importante. Uma dica valiosa é, em vez de testar o veículo novo, alugar um do mesmo modelo, porém o mais velho disponível. Dessa forma é possível observar os efeitos do tempo.

O seguro de um carro zero também pode ser um atrativo na hora de fechar negócio. “O valor pago pela segurança de um veículo novo é sempre mais barato do que o do seminovo, porque o risco da seguradora de perder o carro também é menor, graças às garantias de fábrica”, conclui Flávio.

“Existe uma depreciação quando o veículo sai da concessionária. No entanto, é um valor utópico. Uma vez que a loja responsável pela futura revenda precisa agregar valor para a venda do veículo que você oferecer seja rentável”
Flávio Duarte, gerente de vendas da América Ford