SUPERESPORTES

Em campo, mas sem muita novidade Em jogo pela Taça Ariano Suassuna, Sport pega o The Strongest (BOL), neste domingo, com a cara de 2016

Publicação: 21/01/2017 03:00

João de Andrade Neto
joaoneto.pe@dabr.com.br

Um Sport versão 2017, mas ainda com cara de 2016. Tendo apenas realizado quatro contratações e com apenas o atacante Leandro Pereira como titular, o Leão dá a largada na atual temporada neste domingo, às 15h, na Arena de Pernambuco, contra o The Strongest (atual campeão boliviano), pela terceira edição da Taça Ariano Suassuna. Com 14 dias de treinos desde a reapresentação do elenco, o técnico Daniel Paulista irá optar pelo entrosamento do time na primeira partida do ano. Sem que com isso feche as portas para observações.
Até porque o treinador quer utilizar o amistoso para tirar as últimas dúvidas antes da estreia na Copa do Nordeste, quarta-feira, contra o Sampaio Corrêa, na Ilha. Sendo assim, já adiantou que utilizará dois times distintos em cada tempo contra os bolivianos, que terão como atração principal o volante Chumacero, de passagem apagada pelo Sport em 2013.
“A manutenção da equipe de 2016 é em função do pouco tempo que nós tivemos de trabalho. Infelizmente com a tragédia do ano passado (a queda do avião da Chapecoense que adiou a última rodada do Brasileiro para o dia 11 de dezembro), nós tivemos uma pré-temporada mais curta, onde trabalhamos muito em função da questão física para dar uma base aos atletas. A ideia é manter o entrosamento que já existe. Mas é lógico que a partir de agora vai depender do aproveitamento de cada um dentro de campo”, explicou Daniel Paulista.
E dentro da fase de observação, além dos demais contratados Raul Prata (lateral direito), Marquinhos e Paulo Henrique (atacantes), o técnico também dará chance ao longo do amistoso aos pratas da casa. Ao todo, nove atletas foram incorporados ao elenco principal. “Os atletas que subimos não estão aqui para fazer um ou outro jogo. Eles foram integrados para atuarem em qualquer partida”.