LOCAL

As delícias e os ritmos do São João Da capital ao interior do estado, as comemorações do São João vão além das datas do calendário e, em alguns lugares, se estendem até o final do mês

Publicação: 24/06/2017 03:00

A véspera de São João foi só o esquente para o que ainda está previsto para o fim de semana na capital, Região Metropolitana e interior do estado. Forró pé-de-serra, quadrilhas matutas e muitas comidas típicas. Mas quando se fala em comidas gigantes, o destaque fica com a Capital do Agreste. A programação dos exageros gastronômicos segue até meados de julho. E este ano, o festival conta com 28 comidas típicas gigantes, que estão sendo servidas em vários bairros e na zona rural do município. No sábado, dia de São João, acontece no Pátio da Feira, no bairro Vila Kennedy, às 16h, a festa da Maior Arroz Doce do Planeta. A receita da guloseima gigante leva 40 kg de arroz, 40 kg de açúcar e 40 latas de leite condensado. Na hora do corte são acrescentados 4 kg de coco ralado para polvilhar e canela em pó a gosto. Às 20h, também deste sábado, acontece a festa da Maior Broa do Mundo, na Rua Antônio Menino, no bairro de Divinópolis.

No domingo, dia 25, será a vez do Maior Cozido de Milho do Mundo. A festa acontece a partir das 14h, na Rua Capitão Dé, em Santa Rosa. São 2,5 mil espigas de milho cozidas em um caldeirão que mede um metro e vinte de altura, tendo também a mesma medida de diâmetro. A comida passa 30 horas sendo cozida para ser servida e é preparada por 15 pessoas.

As festividades se encerram no dia 15 de julho com a Canjica Gigante, na Vila Peladas, evento que já acontece há 18 anos na localidade. No ano passado, 60 pessoas estiveram envolvidas com a preparação da iguaria que levou três dias para ficar pronta. O resultado final foi uma canjica com 30 metros.

A tradição de se fazer comida gigante foi criada há 25 anos em Caruaru e teria se reforçado com a Festa da Pamonha Gigante, que começou em 1999. Aos poucos, os moradores dos bairros da cidade foram percebendo que a realização de festas com comida atraiam mais pessoas e era uma oportunidade de comemorar os festejos juninos mais perto de casa.

FORRÓ
Nem só de comida vivem os discípulos do santo junino. Na capital, no Sítio da Trindade, sobem ao palco principal, neste sábado, cantores como Cristina Amaral, Terezinha do Acordeon e Israel Filho. E no domingo, Nando Cordel e Nádia Maia. Em Caruaru, no Pátio de Eventos Luiz Gonzaga, entre as principais atrações estão Petrúcio Amorim, neste sábado, e Bruno e Marrone no domingo. Em Arcoverde tem Alceu Valença, sábado, e Aviões do Forró, no domingo.

Onde brincar

Sítio Trindade - (Palco Principal)


Sábado - 24 de junho
18h - Liv Moraes
19h - Cristina Amaral
20h20 - Edmilson do Pífano
21h40 - Terezinha do Acordeon
23h - Israel Filho

Domingo - 25 de junho
18h - Adiel Luna
19h - Aluízio do Acordeon e Banda
20h20 - Gennaro
21h40 - Nando Cordel
23h - Nádia Maia

Caruaru (Pátio do Forró)

Sábado - 24 de junho
20h - Walmir Silva
21h - Petrúcio Amorim
23h - Lucy Alves
01h - DJ Alok

Domingo - 25 de junho
20h - Josildo Sá
21h - Lucas Costa
22h - Galã
23h - Bruno e Marrone

Arcoverde (Polo Multicultural)

Sábado - 24 de junho
21h - Ycaro & Vitório
23h - Alceu Valença
1h - Solteirões do Forró

Domingo - 25 de junho
22h - Maciel Melo
00h - Aviões do Forró

Gravatá

Sábado - 24 de junho
Hélder e Rodrigo
Forró Santa Dose
Mano Walter

Comidas Gigantes:

24/06
16h - Maior arroz doce do planeta, no Pátio da Feira no bairro Vila Kennedy
20h - Maior broa do mundo, na Rua Antônio Menino, no bairro Divinópolis

25/06
14h - Maior cozido de milho do mundo, na Rua Capitão Dé, no Santa Rosa