Símbolo de luta, Dona Elzita morre aos 105 anos Mãe do desaparecido Fernando Santa Cruz foi incansável em denunciar a repressão do regime de 1964

Publicação: 26/06/2019 03:00

Pernambuco perdeu ontem um de seus maiores símbolos na luta pela democracia. Morreu, aos 105 anos, Elzita Santa Cruz, mãe do desaparecido político Fernando Augusto Santa Cruz. O velório foi realizado na Câmara Municipal de Olinda e o corpo será cremado hoje às 10h, no Cemitério Morada da Paz, em cerimônia reservada.

Incansável na busca por Fernando - que desapareceu no carnaval de 1974, aos 26 anos, quando ia a um enc...