Náutico tem jogo-chave na B Vindo de cinco derrotas seguidas e na vice-lanterna, Timbu visita hoje o Operário-PR, primeiro time fora da zona de rebaixamento da Série B do Brasileirão

Júlio César Martins
Especial para o Diario
julio.martins@diariodepernambuco.com.br

Publicação: 05/08/2022 03:00

Vivendo uma crise dentro de campo e afundado na vice-lanterna da Série B do Campeonato Brasileiro, o Náutico visita o Operário no estádio Germano Kruger hoje, às 19h, buscando uma vitória para voltar a sonhar com a permanência. O confronto é válido pela 22ª rodada, e coloca de frente ao Timbu o primeiro time fora do Z4, com 21 pontos. Um resultado positivo é fundamental para uma recuperação.

Com cinco derrotas seguidas, o técnico Elano deve promover alguns testes na equipe titular. Sem agradar, o lateral-direito Thiago Ennes pode perder a vaga para Victor Ferraz, que vinha atuando no meio do campo. A defesa ainda pode ter mais duas alterações. O zagueiro Wellington cumpriu suspensão na derrota contra o Bahia, na última sexta-feira, e retorna ao time titular. Seu companheiro de zaga deverá ser João Paulo. Apesar de Bruno Bispo ser absoluto na posição, o comandante alvirrubro escalou o concorrente durante os treinamentos desta semana.

Nos dois embates sob o comando do treinador, o Náutico atuou em um sistema com quatro jogadores no meio-campo e dois no ataque, dando mais qualidade técnica na hora de ter a bola, porém perdendo em intensidade e velocidade. Para o jogo diante do Fantasma paranaense, a estrutura com três atacantes deve voltar. Elano escalou Jobson, Souza e Jean Carlos na faixa central, e acionou Pedro Vitor, Julio Vitor e Kieza no sistema ofensivo.

O atacante Geuvânio foi poupado de uma atividade por dores musculares, mas viajou e pode ser titular normalmente. Caso consiga atuar, Julio deve ser sacado. Além do ponta recém-contratado, o zagueiro Arthur e o meia Thomaz devem ir para o banco de reservas e serão opções para o decorrer da partida. O trio já foi relacionado na rodada passada.

O zagueiro Maurício e o lateral-direito Anilson, anunciados na terça-feira, não foram regularizados. Já os volantes Richard Franco e Djavan também continuam de fora. Os dois estão no DM por lesão muscular na parte posterior da coxa e dores no púbis, respectivamente, e ainda não estão à disposição.

“Tivemos uma semana muito boa de treinamentos. É se preparar e fazer um grande jogo contra o Operário. Mesmo respeitando o adversário, vamos lá para vencer o jogo, buscar nossa melhor performance no campeonato e sair com os três pontos. É uma vitória que a gente precisa para dar continuidade ao nosso trabalho. Vamos fazer de tudo para fazer um grande jogo”, projetou o volante Souza.

OUTROS JOGOS
- 22ª RODADA

HOJE
19h Operário X Náutico
19h Vila Nova X Ituano
21h30 Guarani X Grêmio

SÁBADO

16h30 Bahia X CSA
19h Novorizontino X Londrina
19h Cruzeiro X Tombense