"Desafio" mortal preocupa escolas Prevenir brincadeira "roleta humana", que já levou uma estudante nordestina à morte, passa a ser prioridade nas unidades de ensino em Pernambuco

Marcionila Teixeira
marcionila.teixeira@diariodepernambuco.com.br

Publicação: 14/02/2020 03:00

O assunto invadiu o WhatsApp de pais e responsáveis por alunos e se transformou em uma grande preocupação nas escolas, em pleno início de ano letivo. O “desafio da rasteira”, também chamado quebra-crânio ou roleta humana, é, na verdade, uma agressão que pode levar à vítima a lesões severas e à morte. Várias imagens com três jovens posicionados lado a lado, onde o do meio é convidado...