Bônus e concurso para o setor da educação Governo anunciou pagamento extra de R$ 2,2 mil, em média, para professores da rede estadual, além de seleção visando contratar 3,5 mil novos profissionais

Publicação: 14/10/2021 06:05

O governador Paulo Câmara anunciou uma série de investimentos para o setor da educação, em solenidade realizada ontem no Palácio do Campo das Princesas. Entre as ações estão o pagamento do Bônus de Desempenho Educacional (BDE) 2021, que visa premiar servidores lotados e em exercício nas unidades escolares e nas 16 Gerências Regionais de Educação, por desempenho e cumprimento de metas. Neste ano, o valor do BDE é superior a R$ 71,5 milhões, contemplando 876 escolas da rede estadual e impactando mais de 32 mil servidores.

O montante é o maior já pago  - 200% a mais que em 2020 - e vai possibilitar a distribuição média de R$ 2.214,64 por profissional. O dinheiro deve ser depositado amanhã, no Dia do Professor. No ano passado, o BDE 635 unidades de ensino e 24 mil servidores.

No mesmo evento, o governador anunciou a realização de concurso público para contratar 3,5 mil novos servidores para a Secretaria de Educação e Esportes. O certame vai ofertar vagas para professores de todas as disciplinas da Educação Básica, Educação Profissional, Educação Especial e para o Conservatório Pernambucano de Música, além de analistas em gestão educacional.

De acordo com Paulo Câmara, todas as áreas da educação terão o quadro renovado com o concurso, o maior já anunciado na educação de Pernambuco. “Temos como meta até o final do ano lançar o edital para que, em 2022, possamos ter condições de ter novos profissionais atuando na nossa rede”, esclareceu o governador.

Monitoria
O governador lançou ainda o Programa Monitoria PE, voltado para diminuir a evasão escolar. A iniciativa se divide em Monitoria de Busca Ativa e Monitoria de Aprendizagem. O primeiro tem investimento de R$ 568 mil e visa resgatar os estudantes que, dentro do contexto da pandemia, se afastaram do ambiente escolar. Entre os critérios exigidos está a disponibilidade para jornada de 20h semanais e, preferencialmente, ser egresso da rede estadual. Neste caso, os monitores receberão uma bolsa de R$ 800.

Já o Monitoria Aprendizagem terá um investimento de mais de R$ 4 milhões neste ano para estimular os estudantes com lacunas de aprendizagem. Ao todo, estão sendo disponibilizadas 7.128 vagas de monitor para todas as escolas do estado. As turmas do 9º ano do Ensino Fundamental e do 3º ano do Ensino Médio terão dois monitores, um para Língua Portuguesa e um para Matemática.

Números

  • R$ 71,5 milhões serão aplicados no Bônus de Desempenho Educacional (BDE) 2021

  • 876 escolas da rede estadual serão contempladas

  • 32 mil servidores incluídos no programa