Turismo

Táxis voadores e robôs policiais na cidade do futuro Dubai apresenta inovações que permitirão ao visitante sair de forma rápida do aeroporto e aproveitar as maravilhas da invenção em pleno deserto

Mohamad Ali HARISSI
DA AGÊNCIA FRANCE-PRESSE

Publicação: 14/10/2017 03:00

Dubai - Táxis voadores, robôs policiais de vigilância e drones multifuncionais. Estas inovações tecnológicas apresentadas em Dubai refletem a ambição desta cidade-Estado de ser uma das grandes cidades do futuro, com impressionantes tecnologias de ponta.

A estrela do salão Gitex, inaugurada no domingo, é o projeto de táxi voador prometido para dentro de cinco anos - se até lá tiverem sido resolvidas algumas questões de infraestrutura e de regulação.

Um primeiro teste foi realizado com sucesso em 25 de setembro, mas a autoridade de transportes de Dubai (RTA) deverá encontrar soluções com a Aviação Civil para que possa ser explorado comercialmente.

Também deverão ser feitas modificações em terra para que o táxi voe de um lugar a outro da cidade, adaptar os motores ao clima extremamente quente do Golfo e resolver as questões de segurança. “Devemos preparar, em cinco anos, o marco legal e as infraestruturas para fazê-lo funcionar”, declarou Khaled Abderrahman al Awadi, um dos responsáveis da RTA.

O artefato, dotado de 18 motores elétricos, foi desenvolvido pela empresa alemã Volocopter e é a atração principal do salão Gitex. Tem uma autonomia de voo de 30 minutos e pode transportar dois passageiros.

O táxi voador, que custa 200.000 a 250.000 euros a unidade, está equipado com um sistema que lhe permite aterrissar com suavidade, explicou o responsável da RTA. Voará a uma altura de cerca de 120 metros, longe dos corredores da aviação civil, segundo Awadi.